sábado, 16 de junho de 2012

Aprenda a elaborar um Orçamento Financeiro Doméstico

Os tempos atuais são difíceis, complexos prometendo grandes transformações no mundo inteiro, incluindo obviamente as nossas finanças. Ninguém sabe hoje em que direção estaremos nos encaminhando amanhã. Por esta razão falar em planejamento das finanças pessoais em todas as fases da vida dos seres humanos é tão necessária, diante desta realidade listamos uma hierarquia de ações que devem ser adotadas em cada etapa da vida para se atingir uma vida financeira com maior previsibilidade de êxito. Conheça e avalie na figura abaixo o ciclo da vida financeira.

Você já teve alguma destas sensações?
• Não saber para onde está indo o seu dinheiro;
• O mês ainda não chegou ao fim e seu dinheiro já acabou;
• Comprou algo que não necessitava;
• Caiu em uma armadilha e que se enrola mais à medida que luta para sair.

Se isso já acorreu com você ou identificou que esta isso esta ocorrendo em sua vida significa que é hora de tomar algumas atitudes e mudanças de hábitos financeiros.

Vamos apresentar neste texto como fazer um Orçamento Financeiro Doméstico, trata-se de uma ferramenta extremamente simples e eficaz, porém deferente do que muitos pensam não é só "anotar as despesas realizadas". Orçamento envolve planejar os gastos, definir as necessidades, eleger as prioridades. A adoção desta ferramenta irá ajudar a traçar o seu perfil financeiro, identificar para onde esta indo o seu dinheiro, fornecer subsídios para a definição e atingimento das suas metas.

Outro ponto importante é estabelecer objetivos comuns e conversar francamente sobre as finanças com toda a família, este é o caminho para que cada um esteja comprometido e faça sua parte.

Etapas para a elaboração do Orçamento Financeiro Doméstico:

1. Identificação das despesas: identificar para onde está indo o seu dinheiro, discrimine todas as despesas fixas: luz, gás, água, telefone, aluguel, condomínio, transporte, educação, assistência médica, alimentação, e outras. Considere, também, despesas eventuais, como: remédios, consertos em geral, cabeleireiro, oficina mecânica, lazer, vícios, prestações, taxas, impostos, outras.

2. Identificação das fontes de rendas: descrimine todas as entradas, ou seja, a composição das receitas: salário, comissões, pensão, rendas, etc. utilize o valor líquido recebido.

3. Analise de oportunidade: avalie cada item de despesa, identifique oportunidades de redução, estabeleça prioridades, determine metas para cada membro da família.

4. Faça o balanceamento: Avalie a relação entre as receitas e as despesas mensais: receitas (-) despesas. Revise as metas até chegar a sobras condizentes com seus planos para o futuro.

O gerenciamento adequado das finanças pessoais é o diferencial entre sonhadores e realizadores. O planejamento financeiro pode fazer mais por suas finanças do que vários anos de trabalho gastando sem a devida precaução.

Para ter uma vida financeira em equilíbrio: “Conheça a si próprio, e identifique aspectos positivos e negativos de suas ações cotidianas”.

Escolha um dos modelos de Orçamento Financeiro Doméstico em planilha de excel para baixar.

Modelo Completo
Modelo Simplificado

8 comentários:

  1. Muito bom e fácil de usar!
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Trabalho bem feito!

    ResponderExcluir
  3. Excelente ferramenta Fábio. Obg.

    ResponderExcluir
  4. Seu blog sempre contribuindo de forma útil e de fácil entendimento. Utilizo todos!
    Obrigada por compartilhar!!!

    ResponderExcluir
  5. Uma ferramenta muito útil e fácil de usar e compreender.
    Muito obrigado.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns Arruda, muito bom mesmo!

    Sucesso!

    ResponderExcluir